Executiva do Patriota abriga integrantes do Aliança pelo Brasil

Prezados.

Atendendo ao anseio de várias pessoas que buscam a permanente mudança do nosso País que há anos vinha sendo saqueado, fizemos uma análise de qual agremiação partidária de Direita estaria mais alinhada aos propósitos do nosso Presidente Jair Bolsonaro que tem entre seus valores o compromisso com a moral, a ética, a Família, a Pátria e sobretudo Deus.

Assim, identificamos o Partido PATRIOTA como sendo a principal opção para que pessoas sérias e comprometidas possam ajudar o nosso Brasil.

No último dia 30 de março assumimos a organização do Partido em Lages, mas infelizmente diante da crise que nos assola, estamos temporariamente impossibilitados de realizarmos reuniões presenciais.

Desta forma, estamos disponibilizando o site www.patriotalages.com.br para que as pessoas possam fazer suas filiações de forma remota.

Atenção!!! Quem tiver interesse em ser pré candidato nas próximas eleições, deverá fazer o cadastramento até o próximo dia 04 de abril, sendo que o TSE não prorrogou este prazo.

O pré candidato terá seu cadastro submetido à análise da Executiva Municipal, sendo que a confirmação se dará até o mês de junho quando os candidatos selecionados deverão apresentar toda a documentação exigida pelo TSE.

Dúvidas favor enviar email para contato@patriotalages.com.br

Vamos juntos fazer do nosso Brasil um País próspero e digno para as próximas gerações.

Atenciosamente,
PATRIOTA LAGES

Executiva Municipal:
Airton Amaral
Ronaldo Cordeiro
Telmo Camargo
João Waltrick
Zeno Quevedo
Deocildo Michelotto
Sirlei Michelotto
Elson Raizel

Monarim também foi contaminado pelo Covid-19

O empresário Dilmar Monarin também esta com o coronavírus. Contraiu o vírus durante uma viagem com a esposa, no início de março, aos Estados Unidos.

Mas parece que está se recuperando bem. Destaco que ele continua em Florianópolis. A prefeitura divulgou hoje o caso conforme nota abaixo:

A prefeitura divulgou hoje o caso conforme nota abaixo:

A Prefeitura de Lages comunica oficialmente, às 15h30min desta quinta-feira, dia 2 de abril de 2020, que tomou conhecimento pela imprensa de um caso confirmado de Coronavírus em um empresário de Lages que estava em viagem aos Estados Unidos. Até a notícia ser veiculada nos veículos de comunicação por iniciativa dele próprio, a Secretaria Municipal da Saúde não havia sido informada sequer pelo paciente. Depois que a informação se propagou pela cidade, o homem fez contato com a Secretaria Municipal da Saúde para relatar o caso. Segundo ele, poucas horas após chegar da viagem ao exterior, sentiu alguns sintomas, não teve contato com ninguém e isolou-se em Florianópolis, onde realizou o exame em um laboratório particular. De imediato, as autoridades municipais de Lages acionaram o Laboratório Central do Governo do Estado (Lacen), onde são concentrados os dados oficiais de todos os municípios de Santa Catarina. Neste momento, o paciente permanece em quarentena em um hotel de Florianópolis. A Secretaria da Saúde de Lages já passou a acompanhar o caso, mas até as 15h30min desta quinta-feira, dia 2 de abril, não havia recebido do Lacen a confirmação oficial da doença.

Carta de uma cerritense ao governador Moisés

Boa tarde!

Sr. Governador, minha irmã, professora ACT da Prefeitura de São José do Cerrito, acabou de ser comunicada para ir assinar a sua recisão, que por ordem do Sr. Prefeito Arno Tadeu Marian, todos os ACTs serão encerrados em virtude da pandemia!
Se em meio à situação difícil que estamos vivendo, pode o Prefeito tomar essa atitude, justo com aqueles que ficam na linha de frente da Educação?!?!?!
Esses professores tem família, têm gastos para o mínimo de sobrevivência, e as compromissos financeiros contando com tal emprego.

Como fica essa situação se o próprio governo não apoia os seus?? Desumano não??

O Sr. Esta ciente dessa atuação do Prefeito??

Governo está adquirindo insumos de proteção. A falta deles é o grande problema enfrentado

Para garantir a segurança dos profissionais da saúde e da segurança pública, o Governo do Estado abriu um chamamento público para comprar insumos de proteção e enfrentamento à Covid-19. As empresas e fornecedores interessados em participar poderão encaminhar a proposta até o último dia da situação de emergência no estado, por meio do e-mail geico@sea.s.cgov.br. As empresas serão selecionadas pelas melhores propostas de preços e produtos.

Os insumos a serem adquiridos são luvas descartáveis, máscaras, aventais e outros utensílios de higiene para serem usados pelos profissionais da saúde, durante atendimento de pacientes com a doença. Também serão destinados aos agentes da segurança pública para proteção individual em atividades operacionais.

UM lageano à frente da implantação de um sistema de realização das sessões remotas

Câmaras municipais já começam a realizar sessões remotas com apoio do Senado

Da Comunicação Interna | 01/04/2020, 13h23 – ATUALIZADO EM 01/04/2020, 19h35

A tecnologia e o suporte do Senado Federal auxiliaram a Câmara de Vereadores de São José (SC) a se tornar, nessa terça-feira (31), a primeira Casa Legislativa municipal do Brasil a realizar uma sessão remota. Após a avaliação positiva da experiência, o plano é levar a solução para até 80% do território nacional, conforme o diretor-executivo do Interlegis, Márcio Coimbra.

— Foi um primeiro movimento que precisa ser afinado, mas estou satisfeito por termos conseguido entregar essa transferência de tecnologia. Temos convênio com 4,3 mil câmaras municipais pelo Brasil e há capacidade de levar essa experiência a todas — afirmou Coimbra que comanda o órgão do Senado que promove cooperação entre os legislativos brasileiros.

Ele explicou que a solução usada em São José se chama Sistema de Apoio ao Processo Legislativo Remoto (SAPL-R), uma ferramenta já usada pelo Interlegis para reuniões em vídeo. É um mecanismo diferente do Sistema de Deliberação Remota (SDR), utilizado pelos senadores na última semana, apesar do conceito similar.

Fonte: Agência Senado

O que destaco nesta informação publicada pelo Senado é que foi um lageano, Wendel Gralpner, chefe de comunicação da Câmara de São José, o responsável pela implantação da ferramenta de funcionamento da sessão utilizando softwares gratuitos combinados.

Passaram praticamente a quarentena toda na escolha destas ferramentas e nos testes, priorizando por algo que fosse acessível em qualquer lugar e pudesse oferecer condições para qualquer pessoa participar.
Depois das três primeiras sessões, foram convidados pelo Interlegis do Senado a contribuir nos manuais que vão capacitar câmaras e vereadores do Brasil inteiro.