Já foi aberta licitação para compra de novo tomógrafo

Para quem estava preocupado com o deslocamento do tomógrafo do Hospital Tereza Ramos que foi para o Hospital Regional São José, o governador Moisés informa:

“Um processo licitatório foi aberto para aquisição de um novo tomógrafo. Será um aparelho ainda melhor e mais moderno do que aquele que foi transferido. Outros aparelhos, como de ressonância, também serão adquiridos”

Auditoria nas obras do Tereza Ramos ainda não foi concluída

A auditoria nas obras do Hospital Tereza Ramos não foi concluída ainda e a empresa contratada pediu mais prazo para terminar o levantamento.

“Os técnicos já fizeram o mapeamento de toda a estrutura física e agora está sendo executada uma análise documental, para confrontar se os materiais utilizados na obra estão de acordo com o que foi contratado”. Foi o que informou o secretário estadual da Saúde, Helton Zeferino.

E parece que tem ai também o dedo do Ministério Público.

Será que tem alguma coisa a ver com aquela informação de que o caminhão da entrega do material de construção antes de chegar ao canteiro de obras do Tereza Ramos passava por uma outra obra particular também no centro da cidade?

Assume terceiro suplente de deputado do PSD

O Parlamento catarinense ganhou um novo deputado na manhã desta quinta-feira (20). Terceiro suplente da coligação PSD-PP-PSC, Ulisses Gabriel, 37 anos, delegado da Polícia Civil e filiado ao PSD, tomou posse ao substituir o deputado Milton Hobbus, líder da bancada do seu partido, que tirou licença por 90 dias para tratar de assuntos particulares.

Na eleição de 2018 Ulisses somou 28.830 votos e, para garantir sua vaga agora, contou com o apoio dos dois primeiros suplentes, Silvio Dreveck (PP) e Jean Khulmann (PSD), que abriram mão de tomar posse. Nascido em Turvo, o deputado reside em Orleans, onde trabalha como delegado. Esse fato dá ao Sul do estado a maior bancada da Assembleia Legislativa, que agora conta com nove integrantes.

O novo parlamentar passa a integrar o bloco composto por Ada de Luca (MDB), Felipe Estevão (PSL), Jessé Lopes (PSL), José Milton Scheffer (PP), Julio Garcia (PSD), Luiz Fernando Vampiro (MDB), Rodrigo Minotto (PDT) e Volnei Webber (MDB).

Vereador Samuel está sob observação

“O Vereador Samuel Ramos, na noite de quinta feira, teve uma intercorrência da cirurgia a qual foi submetido a cerca de 20 dias, necessitando ficar internado no hospital Nossa Senhora dos Prazer em observação, até sua completa recuperação. “

A informação é da assessoria do vereador, falando a respeito da cirurgia do joelho que Samuel Ramos se submeteu há cerca de 20 dias.

A equipe médica concluiu que o vereador Samuel Ramos teve uma úlcera, causada pela medicação tomada no processo de recuperação da cirurgia feita no joelho. Essa úlcera gerou um sangramento, e o vereador passou por uma transfusão de sangue. O procedimento foi bem sucedido, e ele está se recuperando.
Agradecemos as mensagens e orações!

#EquipeSamuelRamos

Pasta do Turismo só apoia eventos realizados por terceiros, diz o vereador Maurício

Por solicitação do vereador Maurício Batalha (Cidadania) foi enviada moção à direção da Celesc e à prefeitura para que seja liberado para a população em geral o acesso para visitação à cachoeira do Salto do Rio Caveiras, a fim de fomentar o turismo na região.

Sugere que a prefeitura construa um ponto de observação no local. Ele contou que esteve em Curitiba há duas semanas e lá tem um roteiro, onde o cidadão pega um folder e faz a visitação a todos os locais. Para o vereador Mauricio, aqui em Lages há vários “monumentos e poderíamos tem um roteiro dos mesmos para oferecer aos turistas”, explicou.

Já é a quarta vez que ele está solicitando para que alguém se movimente para fazer ali uma plataforma permitindo que as pessoas possam chegar mais próximo para ver as quedas do Caveiras. Lages tem quase 200 mil habitantes e Maurício acredita que nem 10 mil deles conhecem as belezas do Salto Caveiras fora outras que temos no município.

“Não sei para que tem uma secretaria de Turismo se não exploramos o turismo. Tenho visto muitos eventos serem divulgados pela Secretaria de Turismo, mas em sua totalidade são eventos realizados por terceiros que contam com o apoio da prefeitura. Apenas fornece lona e banheiro químico para os eventos. Não temos nenhuma ação da secretaria para o desenvolvimento do turismo”, falou ele.

A secretaria de Turismo não paga o investimento que é feito para manter a sua estrutura. Insistiu em dizer que isso não é politicagem, mas cobrança de atitude. Para ele, fazendo uma plataforma no Salto vai atrair investidores para incrementar a infraestrutura turística do local, com bares, restaurantes ou até um hotel: “o turismo se começa com pequenas atividades”.

De fato, como citou, Gramado não começou com a estrutura que tem hoje. Foi sendo instalado aos poucos. Falta este tipo de iniciativa para desenvolver o turismo. Tanto é que foi aqui que nasceu o turismo rural, mas por falta de fomento da iniciativa que fez com que outros municípios se projetasse mais e avançasse. Lages ficou no tempo.

A secretaria, diretoria ou executiva de Turismo desta administração ainda não justificou sua existência, de fato. Tanto que é de iniciativa da CDL e não da pasta de turismo a realização do Festival de Inverno, por exemplo.

DEM de Lages e Republicanos podem formar aliança

Samuel Ramos já anunciou que trocará o PSD pelo DEM, para ter espaço nas eleições municipais. E ele está aglutinando lideranças para formar um projeto sólido na corrida pela majoritária.

Nessa semana, o vereador foi a Florianópolis, e dialogou por um longo tempo com o presidente estadual do Republicanos, deputado Sérgio Motta.

As duas siglas querem se fortalecer na cidade, e podem caminhar juntas, trazendo pessoas de vários segmentos, e adotando o discurso da renovação.

Justiça interroga 23 réus acusados de homicídio

Nesta quinta (20), o juiz Geraldo Corrêa Bastos, titular da 1ª Vara Criminal da comarca de Lages, interrogou um grupo de 23 réus denunciados pelo Ministério Público por homicídio triplamente qualificado e organização criminosa. Os homens respondem pela morte de um detento no pátio do Presídio Masculino de Lages, em 26 de maio de 2019.

A oitiva das testemunhas ocorreu nesta semana. Esse é o processo ajuizado na unidade com o maior número de acusados. Por conta do número de pessoas interrogadas, a audiência foi feita no Salão do Júri. Para o interrogatório, o juiz solicitou reforço policial. Neste caso atuam seis defensores, entre advogados constituídos e defensores públicos.

Informações contidas na denúncia do MP dão conta de que todos os acusados integram organização criminosa com intensa atuação em Santa Catarina. A vítima teria uma dívida com o grupo e essa a razão da sua morte.  A torpeza do motivo é uma das qualificadoras do homicídio. As outras duas são o meio cruel e recursos que dificultaram a defesa da vítima.

No dia do fato, um dos acusados atraiu o homem para um canto do pátio, onde os agentes de segurança têm visualização dificultada por grades. Parte dos réus derrubou a vítima no chão e o espancou até a morte. Enquanto isso, outro grupo fez uma espécie de “paredão” para ocultar a ação dos agressores. Se pronunciados, os réus irão a júri popular.

Polícia apreende armas e detém autor de homicídio

Na manhã desta quinta-feira, 20/02, a equipe da Comarca de Campo Belo do Sul deu cumprimento a mandados de buscas, tendo apreendido uma dezena de armas de fogo e centenas de munições de diversos calibre no interior do município.

A operação policial é fruto de investigação de crime de tentativa de homicídio ocorrido em 19/10/2019, quando a vítima teria sido alvejada por diversos disparos de arma de fogo.
O inquérito policial chegou à autoria dos disparos após intensa investigação, culminando com a identificação do autor do crime, além da apreensão da arma utilizada e diversas outras, dentre revólveres, espingardas e uma pistola semiautomática.
A operação policial contou com apoio dos policiais civis de da Comarca de Campo Belo do Sul e dos Municípios de Cerro Negro e Capão Alto.

Moisés confirma que o vereador Lucas é o pré-candidato do PSL a prefeito

O vereador Lucas Neves acompanhou o governador Carlos Moisés em todos os seus compromissos, hoje, em Lages.

O governador confirmou que ele é o pré-candidato do partido para prefeito.

“Ele foi um vereador muito bem votado , é uma pessoa jovens e se constitui em uma novidade para a política local, com um jeito diferente de fazer.” 

Foto: Nilton Wolff

O governador disse que  sempre tem dito a ele que : “terão meu apoio aqueles que repetirem o que a gente está fazendo no governo do estado. Uma gestão transparente, com compromisso, com indicadores de avaliação e com o primeiro escalão do governo absolutamente técnico e menos político. E, parece que ele tem topado este desafio e estamos montando um time bem bacana para mudar os destinos de nossas cidades catarinenses”.