Governador diz que não fará visita aos municípios com as mãos abanando

O governador Carlos Moisés esteve na semana passada em Criciúma, onde anunciou R$ 30 milhões para a realização de duas obras.

Segundo Moisés, ele só irá aos municípios quando tiver recursos a destinar. Não quer chegar de mãos abanando em lugar algum. Esta prática tem sido elogiada até por parlamentares de outras siglas. Há que se destacar que os recursos que tem destinados às obras vem do caixa do estado e não de financiamentos, graças as economias que o governo tem feito.

Como recentemente Moisés garantiu o repasse de recursos para as duas revitalizações em andamento em Lages, não creio que tenha outros recursos para a região, por enquanto. Mas está longe dos R$ 30 milhões que destinou para o Sul.

PSD de Correia Pinto já está preparando seus candidatos

O presidente do PSD de Correia Pinto, Oliveira Pires Burk, está mobilizando o partido com vistas às eleições do ano que vem. A convenção municipal está prevista para o final de outubro e até lá o partido está preparando a nominata do novo diretório.

O PSD de Correia Pinto trabalha os nomes de três pré-candidatos a prefeito, nas eleições do ano que vem: o vereador Everaldo Silva (popular Prego), Edilson dos Santos e Mário Olivo (popular Chouriço).

Hoje o PSD de Correia Pinto faz parte da base aliada do prefeito Celso Rogério (PP), mas a manutenção ou não da aliança para a próxima eleição será decidida na convenção do partido.

PSC aguarda Miotto para definir a data da convenção municipal

No sábado, dia 21, o deputado estadual do PSC, Jair Miotto estará em Lages (às 10 horas) onde se reunirá com os membros do partido na Câmara de Vereadores. A pauta é a mesma da reunido do partido de sexta-feira passada: candidaturas e alianças para 2020.

A data da convenção municipal será definida depois desta conversa com o deputado.  A nominata do novo diretório ainda não foi elaborada porque está sendo feito um levantamento de quem pediu desfiliação da sigla para colocar os novos nomes na formação do Diretório.

O partido deverá fazer uma mobilização de filiação para buscar engrossar suas fileiras e trazer nomes com potencial eleitoral.

Em relação a alianças para 2020 o presidente Chagas diz que  “é aguardado o posicionamento do PSC Estadual, apoiador do atual Governo o que requer análise do cenário em outros municípios. Em relação  aos possíveis nomes para o próximo pleito podemos considerar alguns reforços, nomes experientes, lideranças bem cotadas em suas regiões, com trabalho prestado. porém, somente após as fichas de filiação  assinadas terão os nomes  citados, evitando o assédio de outros Partidos.”

PL se organiza para as eleições do ano que vem

O Partido Liberal (PL) alinhou estratégias e definiu metas para as eleições de 2020. Os integrantes estiveram reunidos na quinta-feira passada (12), na sede do Sindicato dos Condutores de Veículos e Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Cargas e Passageiros de Lages (Sintrol), o encontro foi conduzido pelo presidente do partido em Lages, Jean Corbellini.
Durante a reunião, foi apresentada a presidente do PL Mulher em Lages, Vanderleia Grahl (Professora Teka) que destacou a importância da mulher na política. “Estamos em todos os setores e na política não pode ser diferentes, temos que caminhar juntas”.  Ainda, foi debatida a ideia de composição do PL jovem que irá agregar ainda mais ao partido.
“Hoje iniciamos um processo, harmonizamos as informações e filiamos novos membros, em seguida começamos as entrevistas com os pré-candidatos, na sequência eles vão passar pelo congresso e depois pela convenção, só assim vamos formar uma equipe e então eleger nossos vereadores”, explicou o presidente Jean.
O secretário do partido e deputado estadual Marcius Machado, destacou que os próximos passos darão continuidade ao projeto do partido. “Vamos qualificar nossos candidatos para que eles possam chegar ao mandato em 2020, tudo o que for conquistado agora terá reflexo em 2022, nossa meta é eleger prefeitos e vereadores em toda a região”.
Atualmente o PL conta com dois senadores, 33 deputados federais, três por Santa Catarina, 295 prefeitos, sendo duas mulheres no Estado, nos municípios de Vargem e Palmeira e 3.606 vereadores.

Vídeo ajuda a justiça a esclarecer o caso do motorista que agrediu PM em Jaraguá

 

Fonte: DC/NSC de 27/09/2019

Moacir Pereira nos narra o acontecido, que muita gente acompanhou através do vídeo que correu o estado, através das redes sociais. Graças a este vídeo, que registrou toda a ação da polícia, foi possível reverter a decisão do juiz que inicialmente o liberou. Hoje nós vivemos um grande Big Brother e, graças a isso, podemos restituir a verdade. 

O comando geral da PM também se pronunciou a respeito do ocorrido.

Pescador encontra corpo boiando no Rio Canoas

O corpo de um homem foi encontrado boiando no Rio Canoas, no Município de Ponte Alta, no final da tarde de segunda-feira (16). As guarnições dos bombeiros de Correia Pinto foram acionadas por um pescador, que foi quem avistou o corpo, enquanto passava com sua canoa pela Localidade de Poço Grande.

Segundo informações dos socorristas que atenderam o caso, o corpo estava enrolado em uma lona,  acorrentado, e com pés e mãos amarrados em fita crepe.

A Polícia Civil dará andamento às investigações.

Instalada CPP visando a cassação do prefeito de Bom Retiro

Na sessão da Câmara de hoje, segunda-feira (16), os vereadores de Bom Retiro aprovaram o pedido da vereadora Rosa Luiza Pereira da Silva (PSDB) para a instalação de uma Comissão Parlamentar Processante visando o impeachment do prefeito afastado, Vilmar Neckel. 

Ele está sendo alvo de investigação por improbidade administrativa.  O fato administrativo que gerou a ação foi a construção da sede do Corpo de Bombeiros do município, construída pela prefeitura, cuja contratação da construtora não passou por licitação.

Tem ainda duas outras ações tramitando. Numa delas teve a determinação judicial de bloqueio de bens no valor de R$ 2,7 milhões por concessão irregular de horas-extras a sete servidores. Antes disso também teve bloqueio de bens relativos a outra denúncia relativa a compra de tubos e outras irregularidades quando ainda era Secretário de Obras, na gestão passada.

A vereadora Fernanda Rosa Gorges foi escolhida para presidir a comissão que ainda tem como membros os vereadores Orly de Souza (MDB) e Lucia de Fátima Boeira Machado Scotti (PP).

Mulheres da Polícia Civil tiveram encontro na Capital

Entre os dias 13 e 15 de setembro, mulheres policiais civis de Lages e região participaram do 30º Encontro da Mulher Policial Civil de Santa Catarina e 2º Encontro Nacional, realizado em Florianópolis.

Mulheres que se dedicam à atividade policial civil em diferentes carreiras – agentes, escrivãs, psicólogas e delegadas de polícia -, incluindo as já aposentadas, reúnem-se anualmente para ações de integração e fortalecimento da categoria que, historicamente, precisou lutar por espaço institucional.

O evento agrega, ainda, atividades de formação, promoção de bem-estar e de lazer. Em 2020, Lages sediará a 31ª edição do encontro estadual e a 3ª edição do nacional, ocasião em que a nossa cidade será apresentada a delegações de diversas regiões do estado e também do país.

Conserra e Amures entregam uma lista de 18 projetos estruturantes para a Serra

O Conselho de Turismo da Serra Catarinense – Conserra e Amures  entregaram uma carta de reivindicações de obras estruturantes, no final do seminário Sobre Perspectivas do Turismo na Serra, na sexta-feira (13).

O documento assinado pelo presidente da Amures em exercício, prefeito de Bocaina do Sul Luiz Carlos Schmuler, presidente do Consórcio Intermunicipal Serra Catarinense – Cisama, prefeito de Urupema Evandro Frigo Pereira e presidente do Conserra Daniel Klein, lista 18 projetos que aguardam execução ou conclusão e que seriam estratégicos para o turismo.

Como a plataforma no mirante da Serra do Rio do Rastro; a ligação asfáltica entre Rio Rufino e Urubici; a rodovia Caminhos da Neve e dentre outras, a conclusão do aeroporto regional em Correia Pinto. “

O presidente da comissão de Turismo e Meio Ambiente da Alesc, deputado Ivan Naatz se comprometeu levar as reivindicações da Serra Catarinense ao governador Carlos Moises, aos deputados e senadores do Fórum Parlamentar Catarinense e ao ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, com que se encontrará na próxima semana.