Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

251.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
Partidos colocam a militância das ruas nesta reta final da campanha

Nesta reta final da campanha os candidatos vão partir para o tudo ou nada para garantir, no caso do governo, de um lugar no segundo turno. O crescimento da campanha de Gelson Merísio, da coligação “Aqui é trabalho”, de 6% para 18%, conforme pesquisa Ibope divulgada na segunda-feira, triplicando as intenções de voto, deu novo ânimo aos correligionários que agora se empenharão em dobro para ultrapassar o primeiro colocado, Mauro Mariani, da coligação “SC quer Mais”, que subiu de 16% para 21%, conforme a consulta Ibope, ambos ultrapassando o candidato do PT, Décio Lima, primeiro colocado no levantamento anterior.

0_9.jpg

Apesar de também crescer a medida que o eleitor indeciso fez sua escolha, a escalada de 12 pontos do principal adversário fez soar o alerta. Não se pode esquecer, como mostra a pesquisa, que 16% dos eleitores pretendem anular seu voto, mas existem outros 19% que ainda estão indecisos. É preciso ganha-los para garantir a eleição.

0_10.jpg

Mariani já fez mudanças em sua estratégia através da propaganda eleitoral gratuita e incentivou seus militantes para redobrar a campanha nas ruas. Veja, por exemplo, que até o secretário adjunto da Defesa Civil, Mushue Hampel deixou o cargo na sexta-feira e subiu a serra para se empenhar na campanha de Mauro Mariani. Por aqui a militância também tende a marcar mais presença nos bairros.

O pessoal do PSD está fazendo o mesmo e os membros do colegiado de Antônio Ceron estão fazendo dois turnos de serviço. Um cumprindo o expediente na prefeitura e o outro na rua em busca dos votos, sem parar para descaso, mesmo à noite. Se dedicam especialmente a três candidatos: Merísio ao governo, Colombo ao Senado e Gabriel Ribeiro a deputado estadual.

Pesquisa também mostra que Colombo se mantém em 27%, enquanto que todos os três outros candidatos primeiros colocados cresceram nas pesquisas. Esperidião que estava em segundo ultrapassou em três pontos(30%) e, Bauer saiu dos 19% para 25%. Pela pesquisa Ibope, os três estão empatados, uma vez que a margem de erro é de 3% para mais ou para menos. Embora não se tenha pesquisa para deputado estadual (pelo menos não oficial) pelo que nos passa, a disputa está complicada e qualquer que seja o candidato a ser eleito (e se for eleito) dependerá dos votos de fora da região.

Além de colocar a equipe na rua, o prefeito Ceron tem intensificado as ações do município: dando visibilidade às obras em andamento e expedindo muitas ordens de serviço para novas obras.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código