Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

251.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
Só Lucas e Marcius receberam recursos do fundo partidário até agora

Analistas políticos afirmam que estas eleições serão favoráveis para aqueles que já têm cargo político, seja os que vão à reeleição ou estão disputando outro espaço no legislativo. Ao que parece os próprios partidos é que fazem a escolha, tanto que os recursos partidários estão sendo direcionados exatamente para eles.

Dos 17 candidatos do MDB a deputado federal, apenas cinco receberão recursos (R$ 1,3 milhão), todos vão à reeleição.

No PSDB, dos 17 candidatos, só dois foram beneficiados: Geovânia e Tebaldi.

Do PT dos 11 candidatos só cinco receberam e

no PSD dos 10 candidatos quatro receberam: Cesar Júnior, Darci de Matos, João Rodrigues e Ricardo Guidi.

Já no caso da deputada Carmen Zanotto a direção nacional do PPS designou R$ 605 mil para ajudar na campanha. O partido só tem dois candidatos em SC a federal: a Carmen e o empresário brusquense Michel Belli.

E a candidata Neuzete Maziero, do DEM, recebeu apenas R$ 45 mil.

Se já é difícil que os recursos do fundo partidário cheguem aos demais candidatos a deputado federal, muito maior é a dificuldade financeira para os que pleiteiam uma vaga na Assembleia Legislativa.

Lucas__2_.jpg

Lucas Neves, do PP e....

Marcius.jpg

....Marcius Machado, PR, são privilegiados

Do levantamento feito no portal do Tribunal Regional Eleitoral observa-se que os candidatos da região que receberam maior atenção do diretório estadual na distribuição dos recursos foram, Marcius Machado (PR) e Lucas Neves (PP), ambos receberam R$ 100 mil.

Gabri.jpg

O PSD catarinense recebeu R$ 7 milhões do fundo partidário, mas destes só vieram R$ 1 mil reais para Gabriel Ribeiro até agora.

Thiago_e_Gean.jpg

Dos demais, incluindo aí Thiago Oliveira (MDB), Bruno Hartmann (PSDB), Amarildo Farias (PT), não há registro de que tenham, recebido sequer um real deste fundo.

Amarildo.jpg

Amarildo também não rececursos...

Bruno.jpg

Assim com o tucano Bruno Hartmann

Na realidade, os recursos do fundo milionário criado para financiar a campanha eleitoral acabam sendo canalizados para as candidaturas a presidência da República e garantir o retorno ao congresso daqueles que lá já estão.

Se isso for um sinal indicativo de quem os partidos estão realmente apostando nestas eleições, já podemos antever quem tem chances de eleger-se nestas eleições.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código