Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

251.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
FME tem de garantir, pelo menos, a segurança de seus árbitros no Jocol

A partida de futebol do Jocol, no sábado, no Vila Mariza virou em pancadaria no estilo só visto em grandes estágios onde as torcidas inflamadas, levadas pela multidão, acabam cometendo atrocidades.

O juiz Toni quase foi linchado por ter dado o cartão vermelho a um jogador que havia, inclusive, lhe insultado. O jogo entre os times Figueirinha e São Carlos terminou após um dos jogadores receber o cartão vermelho e o jogador vir para cima do juiz. Outros torcedores entraram no campo o agredindo com socos e pontapés e se não fosse a interferência do treinador do Figueirinha não se sabe qual seria o fim desta história. A polícia foi chamada mas só apareceu quando os agressores já estavam longe.

O que mais me surpreendeu foi o fato da Fundação Municipal de Esportes não acompanhar os jogos e não garantir a segurança de seus árbitros.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código