Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

251.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
Acats informa quais os produtos que estão faltando nas prateleiras
A Acats espediu nota informando que vem monitorando empresas associadas e formadas por redes de todos os portes e lojas de todas as regiões catarinenses. O panorama está variando muito e é diferente não só por região como por empresa. Alguns supermercadistas estão conseguindo produtos de fornecedores locais cuja entrega não esbarra nos bloqueios, mas as soluções são muito pontuais e restritas.
 
Maiores problemas:
 
Depois ​d​o começo do bloqueio, os maiores problemas continuam ocorrendo no segmento de frutas, legumes e verduras (FLV), leite UHT, derivados do leite em geral e demais itens perecíveis lácteos. Também estão sendo mais citadas as categorias de frios e laticínios, pães embalados e carnes in natura em geral. Na categoria de FLV os maiores problemas estão em itens de largo consumo: Laranja, maçã, tomate, batata e cenoura.
 
 
Algumas categorias de produtos como iogurtes e leites ainda podem ser encontrados, mas com restrição de variedade. As carnes resfriadas e congeladas também começam a ficar com escolhas mais restritas. A carne suína, por exemplo, somente tem as versões congeladas na maioria das regiões.
 
 
Estoques para próximas 48 horas
 
 
O que também começa a entrar na fase final de estoque são as linhas de materiais de limpeza de maior demanda, como lava-roupas e desinfetantes e principalmente papel higiênico, já com restrição de variedade de tipos e marcas. Outras categorias citadas com possíveis quebras a partir de 48h são massas secas e óleo de cozinha/azeites. 
 
 
Maior preocupação: falta de gás
 
 
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código