Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

251.jpg

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

 

Arquivo

 
Dono de padaria vai fechar as portas por causa das exigências absurdas e grosserias de um fiscal de vigilância da prefeitura

Absurdo o que um proprietário de padaria de Lages sofreu de um fiscal de vigilância da prefeitura que além de exigências absurdas foi de uma falta de educação e grosseria sem par. Sofreu, inclusive humilhação e não obteve o alvará, porque sempre se exigia algo mais a cada visita feita.

A tal ponto que o sr. Leo Maule, da padaria Fino Sabore, está fechando suas portas e se mudando de cidade. Leo investiu R$ 150 mil em melhorias na padaria e está indo embora devendo R$ 50 mil, sem ter conseguido o alvará.

Chegou-se ao cúmulo de exigir cinco banheiros em uma padaria que não comporta porque nem há espaço para isso. Leo construiu três banheiros e o fiscal não aceitou, insistindo que fossem cinco.

Por 16 vezes esteve na prefeitura para falar com o prefeito e em nenhuma delas conseguiu falar com Ceron.

Ele já fez boletim de ocorrência e esteve com o repórter Daniel Goulart para fazer a denúncia. Ao fazer isso foram inúmeras as pessoas que se pronunciaram, dizendo que sofreram o mesmo assédio moral por parte do mesmo fiscal, que segundo relato é veterinário concursado. Há inclusive relato de outros dois empresários, um da Cidade Alta, que estão indo embora pela mesma razão.

 

padaria.jpg

 

Terça, 28 de Novembro de 2017 12:04
Escrito por: Olivete Salmória | Última atualização em Terça, 28 de Novembro de 2017 13:24

Comentários  

 
#4 Yago swarnus imainer 29-11-2017 20:39
Absurdo de abuso do poder como funcionario publico pois nao sao formados como químicos ou doutorados em medicina e se acham!!!! Saem de uma outra função publica e sao indicados para o cargo de fiscal da vigilancia .
Querem seguir uma norma da avisa que nao condiz com nosso pais em tempos que aluguéis comerciais sao uma mina de dinheiro por m2 .da onde vai por tanto banheiro pra que? Exemplo foi o dono da havan que queria mudar de cidade para montar a loja Havan.
Na minha opinião tem muito a acontecer aqui em lages para gerar mais emprego e renda. A populaçao e nao fechar portas de estabelecimento s que estao gerando emprego arrecadando impostos sim , pois a carga tributaria no Brasil e muito alta . Ja morei em lages e gosto muito da cidade mão deu certo na gestão no ano que estava ai para montar meu negocio iria gerar mais de 1 mil empregos justo pela burocracia de papeis e alvarás serve de exemplo esse acontecido com a padaria e agora ? Seu fiscal? Ministér
 
 
#3 Rodrigo 28-11-2017 22:14
Obviamente o fiscal queria a propina... empresário não pagou... não ganha alvará... é adimples assim aqui no Brasil.. não há segredos
 
 
#2 alexandre costa 28-11-2017 18:04
Já tive a infeliz oportunidade de estar presente em uma fiscalização. Os fiscais se acham os donos do mundo, e tratam os fiscalizados, como se fossem bandidos condenados! Quero ver se a atual administração, vira à publico retratar-se, em razão dessa denuncias!
 
 
#1 Névio S. filho 28-11-2017 15:24
isso é crime um fiscal ficar assediando cidadões ou exigindo condições absurdas, cinco banheiros não existem nem na capital isso é raro aqui.
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código