Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

lages.png

 

unnamed_21.jpg

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

 

Arquivo

 
Amures enviou levantamento feito nos municípios a Brasília

Pelo levantamento feito pela Amures dos prejuízos causados pelas chuvas nos município da região, chegam a R$ 44,6 milhões.

O município mais atingido foi Otacílio Costa com prejuízos na ordem de R$ 10 milhões, seguida de Lages, com R$ 7,3 milhões e. Campo Belo do Sul, com R$ 5,5 milhões

levantamento.jpg

O documento foi enviado à deputada federal Carmen Zanotto e ao senador Dário Berger que acompanharam o ministro da Integração Nacional Helder Barbalho, em visita à região na segunda-feira para verificar os danos.

Com o documento será possível através do Fórum Parlamentar Catarinense solicitar ao presidente da República Michel Temer, a edição de Medida Provisória (MP) para liberação de recursos considerando a urgência e relevância dos problemas.

“Em Otacílio Costa as águas ainda estão baixando. Os prejuízos são enormes e temos comunidades, ainda isoladas. Este documento produzido pela Amures tem o propósito de ajudar a agilizar a liberação de recursos”, explicou Luiz Carlos Xavier. O levantamento aponta que só na agricultura serão necessários R$ 11.646.000,00 para recuperar os prejuízos.

“Ocorreram casos de pessoas isoladas, mas atendemos as demandas e equacionamos os problemas. Nossa malha viária ficou muito danificada e o prejuízo estimado é de R$ 500 mil para voltar à normalidade”, comentou o prefeito de São Joaquim Giovani Nunes. Considerando mais os estragos na agricultura e pecuária, o município amarga um prejuízo de R$ 700 mil.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código