Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

251.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
18 Fevereiro 2013
Novo reservatório

 

 

Benjaminsz.JPG

 

O secretário da Semasa,Benjamin Schultz já está tomando as medidas para por fim a crônica falta de água em Lages, como havia prometido. Firmou convênio com a Caixa Econômica Federal para a construção de um novo reservatório, no bairro Bela Vista. Esse reservatório estará concluído em seis meses e aumentará a capacidade de fornecimento de água para 63 milhões de litro por dia. Hoje são fornecidos 50 milhões/dia.

18 Fevereiro 2013
Tratores estavam escondidos em oficinas

 

 

 

Dia desses alguém levou seu carro em uma oficina e avistou lá um trator da prefeitura. Informou ao chefe da garagem que esteve lá e constatou que não havia um, mas dois tratores esquecidos há longo tempo no local. Percorrendo outras oficinas localizou mais um. São três tratores que não estavam na relação do patrimônio da prefeitura. Mas estavam na relação da compra de peças (aquelas superfaturadas).

 

Tecnicamente, a prefeitura não dispunha de tratores (estavam escondidos), e por essa razão tinha de contratar os equipamentos. Esses contratos de aluguel de equipamentos merecerem a atenção do Ministério Público. E cito só um dos casos: a contratação de 8 mil horas de uma roçadeira. “Suficiente para derrubar metade da floresta Amazônica”, observou alguém. Essas empresas contempladas com as licitações chegavam a adquirir camionetes zero quilômetro para alugar para a prefeitura. Sem dúvida, um ótimo negócio!

 

Dentre as descobertas feitas há outra bastante curiosa: um servidor da prefeitura mantinha um lenheiro apenas com as podas das árvores feitas pela prefeitura.

Última atualização em Segunda, 18 de Fevereiro de 2013 13:27
18 Fevereiro 2013
Foram adquiridos 8 milhões de comprimidos de Captopril

 

 

Denúncia sobre compra fraudulenta

de medicamentos tem mais de um ano

 

A informação de que a Secretaria da Saúde teria incinerado uma tonelada e meia de medicamentos entre julho e dezembro do ano passado, segundo o vereador Rodrigo Silva, veio corroborar o que ele já vinha denunciando há mais de um ano. Essa confirmação veio através do relatório apresentado pela empresa T.O.S. Obras e Serviços Ambientais, responsável pela incineração. Antes mesmo dessa incineração, o vereador Rodrigo já vinha levantando suspeita de compra fraudulenta de medicamentos após denúncia no Fantástico da empresa que estaria atuando em todo o país: a mesma que vendia medicamentos para a Secretaria de Saúde de Lages.

 

rodrigo88.JPG

Na época, Rodrigo denunciou uma compra de oito milhões de comprimidos de Captopril (para hipertensão). Considerando-se que os medicamentos têm validade entre três a quadro anos e foram adquiridos há menos de dois anos, não poderiam estar vencidos, a menos que já tivessem adquirido nessas condições. Para o vereador, “incineraram para apagar as provas”.

Pelas denúncias feitas a partir de documentação que Rodrigo apresentou no Ministério Público, foi comprada grande quantidade de medicamentos, no entanto, sempre estava faltando os remédios básicos como a fluoxetina e o omeprazol.

Mas ocorre, segundo o vereador, que a exemplo do que houve em outras cidades denunciadas pelo Fantástico, de cada quatro caixas de medicamentos adquiridas de uma a duas estavam vazias. E outros, já estavam vencidos antes mesmo de chegar a Lages, ou ainda, eram placebos (comprimidos de farinha).

 

TA6A0396.JPG

Foto: Zé Rabelo

 

“Também no ano passado me chegou a informação de que teriam enterrado a carga de um caminhão de medicamentos”, disse o vereador, anunciando que deverá levantar o assunto na Câmara, pois o ex-secretário Juliano Polese, agora vereador, terá então a oportunidade de explicar-se.

O Observatório Social também será chamado para que acompanhe tais denúncias e a ação do Ministério Público com relação ao assunto.

Última atualização em Segunda, 18 de Fevereiro de 2013 13:02
18 Fevereiro 2013
Prefeitura de São Joaquim que se pronuncie

 

 

 

Estou tentando acessar o sitewww.clicksolucoesinteligentes.com.br, para me inscrever no Processo Seletivo da Pref.de São Joaquim, mas não é possível porque acusa a seguinte mensagem: Este site pode danificar seu computador.

Será que é isso mesmo? Você conhece esta empresa?
Não sei como proceder, porque na parte publicada do edital, não consta o telefone desta empresa e como não tenho como acessar....
Será que outras pessoas estão encontrando o mesmo problema?
 
Obrigada,
Camila Petra
 

18 Fevereiro 2013
Coopercicla quer renovação do auxílio

 

 

A presidente da Coopercicla, Luciana Capistrano afirma que a cooperativa está enfrentando problemas desde dezembro de 2012, para renovar o auxílio financeiro que a prefeitura de Lages vinha repassando no valor de R$ 3 mil  no período de abril a dezembro de 2012.

 

Ela diz que já tentou por diversas vezes conversar com o secretário do Meio ambiente, mas não obteve nenhuma resposta até agora. “Estou tentando negociar desde que o Prefeito Elizeu ganhou as eleições o ano passado, esse ano já perdi as contas das vezes que procurei o secretário do meio ambiente, e na secretaria ninguém consegue me dar uma resposta”.

 

O Vereador João Alberto Duarte (PSD) adianta que fará uma Indicação hoje para que a prefeitura de Lages renove o auxílio financeiro. “A Coopercicla é muito importante para o nosso município, além de ser a renda financeira de 23 cooperados.

 

coopercicla1.jpg

Foto: Cristiane Menegon

 

Luciana explica que Lages produz 100 toneladas de lixo doméstico por dia, e a cooperativa faz a separação de 40 toneladas por mês. “A COOPERCICLA tem hoje 23 cooperados, mas tem a capacidade para 60, precisamos de auxilio financeiro para dar continuidade ao trabalho que estamos desenvolvendo. Hoje não podemos fazer campanha de separação do lixo em Lages, porque não temos nem como fazer a coleta seletiva, e a coleta que existe não dá conta da demanda na cidade, todo esse lixo está indo para o aterro e deixando de gerar renda para muitas famílias” finaliza.

18 Fevereiro 2013
Quem irá cair nessa rede?

 

 

 

Segundo o que já se ventila no estado, o ex-prefeito Dário Berger é um dos candidatos ao novo partido da Marina Silva: a Rede.

 

Se os descontentes dos partidos migrarem para a Rede vai ter gente de todos das siglas aderindo: do PV local, ao PDT, PSDB e do próprio PSD.

18 Fevereiro 2013
Voos iniciam em março

 

 

Foi realizada no Ministério Público Federal de Lages, reunião que tratou sobre a agilidade para o início da operação do Aeroporto Federal Antonio Correia Pinto de Macedo. Na primeira quinzena de março deverá acontecer o primeiro voo regular, da empresa Brava (ex-NHT), com a linha Lages – Florianópolis.

 

Reuni__o_Procuradoria_da_Rep__blica_1.JPG

Foto: Toninho Vieira

 

O encontro contou com a presença do procurador da República, Nazareno Jorgealém Wolff, além dos secretários do Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Luís Carlos Pinheiro Filho; do Meio Ambiente, Mushue Hampel; o diretor de Segurança da Secretaria da Segurança e Ordem Pública, Estanislau Paes; o representante do Aeroclube de Lages, Ivacir Daniel Peruzzo, e o administrador do aeroporto federal, Klaus Ramos Klinger.

Hampel comentou que já foi criado, após a aprovação da Reforma Administrativa, pela Câmara de Vereadores, o cargo de operador de rádio. Além disso, Nazareno observou que o Plano Diretor sobre a zona de ocupação industrial passou por adequações, de acordo com as normas da aviação nacional.

 

O procurador da República também colaborou para a elaboração de um Projeto de Lei para melhor operacionalização do espaço, relacionada às rampas, zoneamento, homologação e outros.

Última atualização em Segunda, 18 de Fevereiro de 2013 12:37
18 Fevereiro 2013
Prefeita explica situação de Celso Ramos

 

 

 

 

 

A prefeitura hoje está passando por um período de contenção de despesas e organização da estrutura administrativa e de gestão. Recebi a Prefeitura em metade de 2010 com a folha totalmente inchada sobrando muito pouco para investimentos. Mais uma divida de quase dois milhões e a Prefeitura inadimplente com restrições em todas as negativas sem poder firmar convenio. Trabalhamos para mudar esse quadro e conseguimos. Buscamos convênios e em dois anos conseguimos investir mais de três milhões de reais em renovação da frota agrícola e maquinas pesadas. Bem como transporte escolar e transporte para saúde.Hoje contamos com uma estrutura muito boa. A mudança foi tanta em 1 ano e meio porque 2012 não conta (ano eleitoral)  que me reelegi com apoio da oposição. Estou tendo muita dificuldade financeira devido a queda da compensação financeira das usinas Machadinho e Campos Novos. Que a media era de 250 mil mês nos últimos 6 meses não chegou 60  mil. O mes de fevereiro por exemplo é 34 mil das duas usinas. Uma das medidas para reduzir despesas foi

adiar a nomeação dos secretários já que não podemos dispensar servidores efetivos. Desiguinamos um servidor e cada secretaria para dar andamento aos trabalhos. Tiramos todas as gratificações de servidores. Isso gera uma economia de 4O MIL MÊS. O principal é atender nossa população com manutenção das estradas medicamentos merenda e transporte escolar e com  40 mil a gente consegue.

 

Fiz esse breve relato para vc ter a oportunidade de conhecer um pouco na nossa realidade administrativa. Mas gostaria muito de receber vc aqui. poderemos conversar mais.

 

 Um abraço !

 

Prefeita Ines.

15 Fevereiro 2013
Amures entrega nota de apoio a Colombo

 

 

O presidente da Amures, prefeito de Campo Belo do Sul Edilson José de Souza entregou ao governador Raimundo Colombo nesta sexta-feira em Otacílio Costa, ofício de apoio ao enfrentamento aos ataques em Santa Catarina. “Não podemos ficar olhando essas barbáries como se não fossem conosco. Somos parte da solução e não nos omitiremos em ajudar o governador em tudo que for possível”, disse Edilson de Souza ao entregar o documento ao governador.

 

Colombo_e_o_presidente_da_Amures__3_.JPG

Fotos: Oneris Lopes

 

NOTA DE APOIO AO GOVERNO CONTRA OS ATAQUES

 

 

A ASSOCIAÇÃO DOS MUNICÍPIOS DA REGIÃO SERRANA – AMURES - se solidariza com o GOVERNO DE SANTA CATARINA, no enfrentamento a onda de ataques ao Estado de Direito que abala a segurança pública desde final de janeiro.

Ressentida com ocorrências que depredam o patrimônio público e privado na Serra Catarinense, a Associação de Municípios se coloca a inteira disposição e com o aparato que for necessário para barrar provocações que geram clima de insegurança na população.

Ao mesmo tempo em que confia na capacidade resolutiva do Governo do Estado e na parceria federal através do Ministério da Justiça em disponibilizar efetivo da Força Nacional de Segurança, para combater facções criminosas, a AMURES reitera seu apoio no cumprimento dos preceitos legais.

Em nome dos 18 municípios da Serra Catarinense, nos colocamos à inteira disposição para o reestabelecimento da ordem e da paz. Certamente não será por conta de eventuais ataques, que o moral do Catarinense e em especial do Serrano se abalará.

Os prefeitos da AMURES tornam público que estão irmanados neste desafio. E ombro a ombro coesos, fortes e esperançosos de que mais uma vez a sociedade catarinense irá sobrepor às adversidades que tentam nos impor.

 

Atenciosamente

 

Edilson José de Souza

Presidente - AMURES

Prefeito de Campo Belo do Sul

 

Iraci Viera de Souza

Secretária Executiva

Lages, 15 de fevereiro de 2013.

 

Colombo pediu desculpa para à imprensa

 

Colombo_discurso_p__blico__1_.JPG

 

Pela primeira vez, desde que se desencadeou em janeiro os ataques incendiários e de disparos de armas de fogo ao patrimônio público e privado em Santa Catarina, o governador Raimundo Colombo se manifestou de público, nesta sexta-feira acerca das ocorrências em Otacílio Costa. “Não vou tratar desse assunto com a imprensa, porque acredito ser estratégico o sigilo”.

E afirmou que as armas mais poderosas e difíceis de serem usadas no enfrentamento ao crime organizado que dissemina o medo e a insegurança é a cautela, a responsabilidade e o sigilo. “Para enfrentarmos os ataques e combate-los na essência e fortalecer a proteção da sociedade temos de agir com inteligência. E inteligência significa ter a informação, trabalhar com ela e não  publitiza-la”, declarou.

“Neste momento o Estado precisa agir muito e falar pouco e vai chegar a hora de falar desse assunto”, disse o governador.

15 Fevereiro 2013
O governador em Otacílio Costa

 

 

O governador Raimundo Colombo firmou, hoje, uma parceria público/privada entre o Estado e a fábrica de papel Klabin, via compensação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviço (ICMS).

 

3.jpg

Fotos: Fábio Ramos

O convênio permite a pavimentação da rodovia perimetral Eraldo Merlin, que liga a SC-114 ao bairro Igaras, em Otacílio Costa.

O investimento será de R$ 4,6 milhões, no trecho de 1,5 quilômetro.

 

DSC_2849.JPG

“Esse modelo de parceria imprime rapidez às ações, pois não precisamos enfrentar algumas burocracias. Em quatro meses, a obra será concluída. Queremos o desenvolvimento e a modernização de Santa Catarina em todos os setores, além de melhorar a qualidade de vida das pessoas”, disse o governador.

 

DSC_7858.JPG

A pavimentação vai melhorar a trafegabilidade e o escoamento da produção. A unidade da Klabin de Otacílio Costa produz anualmente 350 mil toneladas de papel para embalagem. Além de atender o mercado interno, esse material é exportado para países dos cinco continentes, por meio de rodovias e portos.

A estrada perimetral, por sua vez, é passagem obrigatória de caminhões carregados de papel e madeira. O asfalto vai atender também os moradores do bairro Igaras. Hoje, para chegar a SC-114, muitos deles optam por um trajeto mais longo, apenas para evitar a poeira e os buracos da perimetral.