definidos dois debates com os candidatos

 

 

Os candidatos à Prefeitura de Lages,  Antônio Ceron, da Coligação “Lages em Primeiro Lugar”; Elizeu Mattos, da Coligação “Todos por uma Lages Feliz” e Paulo Delajustina (PDT) vão participar de dois grandes debates eleitorais.

E, o que até hoje é inédito em Lages, esses dois importantes momentos democráticos, oportunidade singular para o eleitor lageano conhecer as propostas e assim ter melhores condições de escolha do seu voto, serão realizadas em conjunto pelos dois principais grupos de comunicação da cidade: o SCC e o Correio Lageano.

 

Transmissão em cadeia

 

Os debates serão  realizados em estúdio do SCC, nos dias 21 de julho e 29 de  setembro. O horário do início será às 12h30min. E o término será às 14 horas. O horário foi escolhido para que a TV Araucária possa transmitir ao vivo (com boletins ao vivo também pelo SBT/SC ). Além disso, haverá transmissão ao vivo pelas rádios Clube e CBN  (ambas do grupo SCC), 101 FM, além do portal CL+ (Correio Lageano digital) e do próprio  jornal impresso, que acompanhará os debates com suas equipes de jornalismo, levando as informações na edição impressa do dia seguinte.

O mediador dos debates será o  comunicador J. Amarante (Dico), da Rádio Clube. E terá ainda a participação dos jornalistas Olivete Salmória (colunista política do Correio Lageano) e Edson Varela (pelo Grupo SCC). 

Uma nova empresa se instalará em Lages

 

 

A empresa se chama Ancora – Sistemas de Fixação. Seus produtos são voltados a construção civil.

O imóvel já foi adquirido na Cidade Alta, onde funcionava a Madeireira Panorama. A terraplanagem deve começar nos próximos dias.

70 novos postos de trabalho devem ser gerados no primeiro momento.

Os incentivos fiscais que serão oferecidos pelo do Estado ainda estão em fase de definição.

Torcida pelo prefeito

 

“Uno-me a esta corrente de orações pela recuperação da saúde do Renatinho”, disse Elizeu Mattos ao tomar conhecimento do resultado dos exames do prefeito.

Para Elizeu, a disputa eleitoral nunca pode se sobrepor a questões de humanidade. Infelizmente estamos, todos, sujeitos a ter problemas de saúde. “Espero, sinceramente, que ele vença essa batalha contra a doença que o acometeu e volte a sorrir”, frisou o candidato a prefeito pelo PMDB.

 

Elizeu_e_Renatinho.jpg

“Quero o Renatinho sorrindo novamente assim”, disse Elizeu

Movimento econômico de Palmeira foi maior

 

O saldo do valor adicionado em bens e serviços, na região, teve um crescimento de R$ 323 milhões.

Os números se referem ao crescimento econômico da região entre 2010 e 2011 e foram apurados pelo assessor do movimento econômico da associação, Adilson de Oliveira Branco.

Foi a agropecuária com destaque para madeira que só no município de Palmeira alavancou em 55,74% o crescimento no período.

O crescimento de Santa Catarina foi da ordem de 9,94% e a Serra Catarinense ,88% entre 2010 e 2011.

Entre os 18 municípios da Serra Catarinense com saldo negativo de crescimento estão Bocaina do Sul, Capão Alto, Otacílio Costa e Rio Rufino. Com exceção de Otacílio Costa que enfrentou em 2010 o resquício da forte crise nas exportações e que atingiu em cheio o setor da celulose, os demais tiveram encerrado colheitas de florestas.

“Quando grandes florestas são colhidas a economia do município tem grande impulso. Quando encerra o corte da floresta há uma retração normal no movimento econômico”, observou Adilson Branco.

Oração para Renatinho

 

 

Ontem, ao dar início da reunião dos prefeitos, foi feita uma oração.

 

Ora____o__1_.JPG

O prefeito anfitrião da reunião, Antônio Coelho Lopes Júnior, o “Bota” pediu e numa única voz rezaram um Pai Nosso pela recuperação do prefeito de Lages. Mesmo gesto os prefeitos fizeram em 2010, quando do acidente automobilístico com o ex-secretário executivo da Amures, Gilsoni Albino.

O secretário de Agricultura Murilo Vieira representou o prefeito na assembleia e disse que no final de semana Renatinho retorna à São Paulo para continuar tratamento. E no início da semana retorna para despachar na prefeitura.

 

Foto: Oneris Lopes

Lá incluíram. Aqui tiraram!

 

 

Em Florianópolis uma tucana fez boletim de ocorrência denunciando o partido por ter forjado sua assinatura e a inscrito como candidata a vereadora sem sua autorização.

 

Ao contrário do que aconteceu aqui com Jacinto Bet. Constava da lista dos candidatos e na hora do registro foi sacado fora.

 

Mas, o que está havendo com esse partido?

 

Vizinho famoso

 

Os moradores do bairro São Cristóvão estão com vizinho famoso. O torturador argentino Claudio Vallejos agora é hóspede do hotel do Edson. Foi transferido do presídio regional para lá.

 

Cl__udioVallejjos.jpg

Câmara entra em recesso dia 20

 

As atividades parlamentares da Câmara de Vereadores terão uma pausa entre os dias 20 e 30 de julho por conta do recesso previsto pela legislação municipal.

O atendimento ao público, as atividades administrativas e os trabalhos nos gabinetes ocorrem normalmente, das 13h às 19h, de segunda a sexta-feira. A volta das reuniões no Plenário Nereu Ramos está marcada para o dia 6 de agosto.

Vereadora é detida por extorsão

 

A vereadora Estela Maris Marioti, ex-secretaria de Educação foi presa na tarde de hoje, em São Joaquim, sob a acusação de extorsão contra a prefeita Marlene Kayser da Rosa.

 

Estela_Maris_Mariotti.jpg

 Segundo consta, a vereadora estaria tentando extorquir a quantia de R$ 25 mil da prefeita para não divulgar certas fotos batidas no baile das Mulheres que ocorreu em Maio deste ano.

Estela chamou Marlene para a sua residência e a prefeita acabou gravando a conversa.

 As provas foram entregues à polícia que decretou a prisão temporária da Vereadora por cinco dias e que poderá se converter em prisão preventiva até o termino das investigações.

 Como em São Joaquim não há mais prisão feminina a Vereadora foi então encaminhada para o presídio em Lages.

 

Informações e foto: São Joaquim Online

 

 

Estela Maris Marioti Chiodelli é primeira suplente do PP e  assumiu na Câmara no lugar do vereador Flares Melo , detido na operação Bola de Neve, junto com o ex-prefeito José Nérito de Souza, na penúltima sessão da Câmara, antes do recesso, dia 18 de junho.

 

Pode estar nesse episódio a explicação para a prefeita Marlene ter voltado atrás de sua decisão de concorrer a prefeita.