Prefeita explica situação de Celso Ramos

 

 

 

 

 

A prefeitura hoje está passando por um período de contenção de despesas e organização da estrutura administrativa e de gestão. Recebi a Prefeitura em metade de 2010 com a folha totalmente inchada sobrando muito pouco para investimentos. Mais uma divida de quase dois milhões e a Prefeitura inadimplente com restrições em todas as negativas sem poder firmar convenio. Trabalhamos para mudar esse quadro e conseguimos. Buscamos convênios e em dois anos conseguimos investir mais de três milhões de reais em renovação da frota agrícola e maquinas pesadas. Bem como transporte escolar e transporte para saúde.Hoje contamos com uma estrutura muito boa. A mudança foi tanta em 1 ano e meio porque 2012 não conta (ano eleitoral)  que me reelegi com apoio da oposição. Estou tendo muita dificuldade financeira devido a queda da compensação financeira das usinas Machadinho e Campos Novos. Que a media era de 250 mil mês nos últimos 6 meses não chegou 60  mil. O mes de fevereiro por exemplo é 34 mil das duas usinas. Uma das medidas para reduzir despesas foi

adiar a nomeação dos secretários já que não podemos dispensar servidores efetivos. Desiguinamos um servidor e cada secretaria para dar andamento aos trabalhos. Tiramos todas as gratificações de servidores. Isso gera uma economia de 4O MIL MÊS. O principal é atender nossa população com manutenção das estradas medicamentos merenda e transporte escolar e com  40 mil a gente consegue.

 

Fiz esse breve relato para vc ter a oportunidade de conhecer um pouco na nossa realidade administrativa. Mas gostaria muito de receber vc aqui. poderemos conversar mais.

 

 Um abraço !

 

Prefeita Ines.

Amures entrega nota de apoio a Colombo

 

 

O presidente da Amures, prefeito de Campo Belo do Sul Edilson José de Souza entregou ao governador Raimundo Colombo nesta sexta-feira em Otacílio Costa, ofício de apoio ao enfrentamento aos ataques em Santa Catarina. “Não podemos ficar olhando essas barbáries como se não fossem conosco. Somos parte da solução e não nos omitiremos em ajudar o governador em tudo que for possível”, disse Edilson de Souza ao entregar o documento ao governador.

 

Colombo_e_o_presidente_da_Amures__3_.JPG

Fotos: Oneris Lopes

 

NOTA DE APOIO AO GOVERNO CONTRA OS ATAQUES

 

 

A ASSOCIAÇÃO DOS MUNICÍPIOS DA REGIÃO SERRANA – AMURES – se solidariza com o GOVERNO DE SANTA CATARINA, no enfrentamento a onda de ataques ao Estado de Direito que abala a segurança pública desde final de janeiro.

Ressentida com ocorrências que depredam o patrimônio público e privado na Serra Catarinense, a Associação de Municípios se coloca a inteira disposição e com o aparato que for necessário para barrar provocações que geram clima de insegurança na população.

Ao mesmo tempo em que confia na capacidade resolutiva do Governo do Estado e na parceria federal através do Ministério da Justiça em disponibilizar efetivo da Força Nacional de Segurança, para combater facções criminosas, a AMURES reitera seu apoio no cumprimento dos preceitos legais.

Em nome dos 18 municípios da Serra Catarinense, nos colocamos à inteira disposição para o reestabelecimento da ordem e da paz. Certamente não será por conta de eventuais ataques, que o moral do Catarinense e em especial do Serrano se abalará.

Os prefeitos da AMURES tornam público que estão irmanados neste desafio. E ombro a ombro coesos, fortes e esperançosos de que mais uma vez a sociedade catarinense irá sobrepor às adversidades que tentam nos impor.

 

Atenciosamente

 

Edilson José de Souza

Presidente – AMURES

Prefeito de Campo Belo do Sul

 

Iraci Viera de Souza

Secretária Executiva

Lages, 15 de fevereiro de 2013.

 

Colombo pediu desculpa para à imprensa

 

Colombo_discurso_p__blico__1_.JPG

 

Pela primeira vez, desde que se desencadeou em janeiro os ataques incendiários e de disparos de armas de fogo ao patrimônio público e privado em Santa Catarina, o governador Raimundo Colombo se manifestou de público, nesta sexta-feira acerca das ocorrências em Otacílio Costa. “Não vou tratar desse assunto com a imprensa, porque acredito ser estratégico o sigilo”.

E afirmou que as armas mais poderosas e difíceis de serem usadas no enfrentamento ao crime organizado que dissemina o medo e a insegurança é a cautela, a responsabilidade e o sigilo. “Para enfrentarmos os ataques e combate-los na essência e fortalecer a proteção da sociedade temos de agir com inteligência. E inteligência significa ter a informação, trabalhar com ela e não  publitiza-la”, declarou.

“Neste momento o Estado precisa agir muito e falar pouco e vai chegar a hora de falar desse assunto”, disse o governador.

O governador em Otacílio Costa

 

 

O governador Raimundo Colombo firmou, hoje, uma parceria público/privada entre o Estado e a fábrica de papel Klabin, via compensação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviço (ICMS).

 

3.jpg

Fotos: Fábio Ramos

O convênio permite a pavimentação da rodovia perimetral Eraldo Merlin, que liga a SC-114 ao bairro Igaras, em Otacílio Costa.

O investimento será de R$ 4,6 milhões, no trecho de 1,5 quilômetro.

 

DSC_2849.JPG

“Esse modelo de parceria imprime rapidez às ações, pois não precisamos enfrentar algumas burocracias. Em quatro meses, a obra será concluída. Queremos o desenvolvimento e a modernização de Santa Catarina em todos os setores, além de melhorar a qualidade de vida das pessoas”, disse o governador.

 

DSC_7858.JPG

A pavimentação vai melhorar a trafegabilidade e o escoamento da produção. A unidade da Klabin de Otacílio Costa produz anualmente 350 mil toneladas de papel para embalagem. Além de atender o mercado interno, esse material é exportado para países dos cinco continentes, por meio de rodovias e portos.

A estrada perimetral, por sua vez, é passagem obrigatória de caminhões carregados de papel e madeira. O asfalto vai atender também os moradores do bairro Igaras. Hoje, para chegar a SC-114, muitos deles optam por um trajeto mais longo, apenas para evitar a poeira e os buracos da perimetral.

 

Sobre a escolha de vagas nas escolas de Celso Ramos

 

 

 

Como integrante da comissão organizadora do processo de escolha de vagas dos professores municipais de Celso Ramos, a professora Jussara Fatias Bom, entrou em contato para explicar a respeito dos critérios de classificação.

 

Disse ela que entre os professores municipais não existe ninguém com título de doutor ou mestre, a não ser ela própria, mas que não está no processo porque é orientadora educacional.

 

“Por essa razão é que decidimos valorizar quem tem mais de uma pós-graduação”, disse ela, explicando que é um processo coerente dentro da realidade local.

 

Se houvessem professores com outros títulos, diz ela que então os critérios para classificação seriam diferentes.

Apreendida carga de madeira

 

 

 

A Polícia Militar Ambiental de Lages, ao realizar o patrulhamento fiscalizatório noturno flagrou na Localidade de Barrreiros, interior do município de Bom Retiro, um caminhão Ford/Cargo 2626, transportando uma carga de madeira nativa em toras de araucária.

 

DSC06668.JPG

 

Ao ser conferida a carga constatou-se que o motorista não tinha o documento de origem. O total de madeira transportada era de 14,513 m³ (quatorze vírgula quinhentos e treze metros cúbicos) de toras de araucária.

 

 

DSC06671.JPG

 

A madeira foi apreendida e o condutor recebeu um auto de infração ambiental com o valor indicativo de R$ 6.530,85.

 

O encontro dos tucanos

 

 

 

Tucanos de 12 municípios incluindo Curitibanos, Ponte Alta do Norte e Santa Cecília, participaram ontem da reunião do Diretório Estadual do PSDB, no Clube Princesa.

 

DSCN6708.JPG

O encontro é o primeiro de cinco que serão realizados na Serra e Oeste.

Os tucanos serranos foram recebidos pelo senador Paulo Bauer e o presidente estadual do PSDB, e ex-governador de Santa Catarina, Leonel Pavan, assim como pelo presidente do PSDB de Lages, Dilmar Monarim; o chefe de gabinete do deputado federal Marco Tebaldi, Paulo Sérgio Zick; o secretário municipal do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Trabalho e Renda, e coordenador da executiva em Lages, Luís Carlos Pinheiro Filho, e o prefeito eleito do partido em Bom Retiro, Albino Gonçalves Padilha.

 

DSCN6767.JPG

Fotos: Daniele Mendes de Melo

 

Três assuntos ocuparam maior espaço nas conversas: Fidelidade partidária, a necessidade de expansão da representatividade da Serra em cargos políticos na esfera estadual e nacional, e a busca por novos filiados.

 

Atualmente, dos 118 mil eleitores de Lages, 1.065 são filiados ao PSDB. Além disso, a intenção é preparar as lideranças para as eleições dos diretórios municipais, que devem acontecer em março.

Já tem infiltrações?

 

aeroporto_lages.jpg

 

 

Pessoas que estiveram visitando o aeroporto local após a reforma gostaram das melhorias feitas. Mas o que chamou atenção de quem lá esteve foi uma grande infiltração no teto do saguão. A prefeitura terá de chamar a empresa que fez a reforma para proceder os reparos. Ou seja, a reforma após a reforma, pois nem começou operar ainda

 

Critérios questionáveis em Celso Ramos

 

 

No mês passado a prefeita de Celso Ramos encaminhou o processo de escolha de vagas do professores efetivos do município.

Em Celso Ramos existem apenas quatro escolas municipais e os professores não são lotados, tem de submeter periodicamente a esse processo já que existem mais mestres do que vagas.

O estranho não está nesse fato, mas nos critérios de classificação. Conquistam a vaga de acordo com a pontuação obtida pelo tempo de serviço no município e pelos títulos.

Quem fez pós-graduação tem três pontos; quem tem mestrado quatro pontos e o doutorado garante cinco pontos.  Ocorre que lá, um professor com duas pós-graduação fica com seis pontos, recebendo uma pontuação maior do que um doutor e assim consegue tirar a vaga desse último.