Câmeras de videomonitoramento adquiridas com o Fundo de Transações Penais

O sistema de videomonitorameto para Cerro Negro, foi adquirido pela Polícia Militar com recursos do Fundo de Transações Penais da comarca de Campo Belo Sul. O juízo autorizou a liberação de R$ 30 mil para aquisição dos equipamentos instalados há poucos dias. Uma solenidade de inauguração está marcada para o dia 28 de agosto, às 11h, na sede da PM, que fica na SC 458.
O sistema é composto por quatro câmeras externas e cinco internas, colocadas em pontos estratégicos de Cerro Negro. Comandante da PM local, o sargento Nilson Martins diz que o sistema auxiliou no atendimento de três ocorrências: um furto de arma de fogo, de cones e roubo de motocicleta. “Mesmo com poucos dias em funcionamento, conseguimos coibir a perturbação do sossego com o uso de som alto e condução de motos sem capacete”, destaca.
Em decisão, a juíza Flávia Carneiro de Paris destaca sobre o projeto, “atenderá uma área vital de relevante cunho social para a comunidade onde está inserida, em especial na prevenção e elucidação de delitos”. 

Uma hora de estacionamento gratuito em hospitais e clínicas

Quem leva um doente até a emergência, normalmente, o conduz até os atendentes, acompanha o primeiro encaminhamento e só depois lembra de retornar ao veículo para decidir se permanece ali ou busca outro local para estacionar. O problema é que, quando volta ao automóvel, o motorista já terá uma conta a pagar.

Com base nesta cena comum, o deputado Sargento Lima (PSL) apresentou projeto de lei na Assembleia Legislativa que obriga hospitais e clínicas médicas, que exploram comercialmente o estacionamento, a disponibilizarem gratuitamente a vaga ao menos por uma hora nos casos de pacientes que necessitam de atendimento com urgência.

A proposta é que o estabelecimento entregue um comprovante do atendimento, o que daria a hora de gratuidade.

Prevenção contra a violência começa na escola

Com o intuito de prevenir a violência contra as mulheres e a violência no namoro, a Polícia Civil de Santa Catarina tem desenvolvido grupos reflexivos junto a adolescentes estudantes de escolas estaduais em todo o estado.

A Escola São Judas Tadeu está sendo sede da primeira edição do projeto na cidade de Lages. Em julho foi realizada uma roda de conversa com professores, e no dia de hoje, 22 de agosto, iniciou-se a segunda etapa do projeto, que prevê um ciclo de quatro encontros com estudantes. As atividades, mediadas pela Psicóloga Policial Verônica Bem, a Escrivã de Polícia Letícia Leite Benedet e a estudante de Psicologia Gabriela Feldhauss de Souza, têm por objetivo a preparação dos jovens para a vivência de relacionamentos mais conscientes e saudáveis.

Morre vereador de Otacílio Costa

Também faleceu o vereador Wanderley de Liz (PP), de Otacílio Costa. Conhecido como “Irmão”, o vereador faleceu na manhã desta sexta-feira em Curitiba, onde estava internado desde o dia 5.

Informações do jornal Correio Otaciliense

Transplantado há 21 anos, Wanderlei precisou se internar para tratar de um problema na veia dos canais biliares, o que levou à parada de outros órgãos. Ele tinha apenas 47 anos.

 

Vereador David pede a instalação de uma brinquedoteca na Câmara

SUGERE À MESA DIRETORA A CRIAÇÃO DE UMA BRINQUEDOTECA NA BIBLIOTECA DESTA CASA LEGISLATIVA.

Considerando que foi construída uma biblioteca dentro das instalações da Câmara de Vereadores, a qual possui uma sala bem ampla, motivo pelo qual, entendemos ser extremamente relevante à criação de uma Brinquedoteca na mesma área da biblioteca, ou seja, um espaço educativo, destinado para às crianças, com livros infantis, jogos, brinquedos e instrumentos para desenvolver a ludicidade da criança.

Este espaço além de estimular a criança a realizar certas atividades, proporcionaria uma melhor comodidade aos visitantes desta Casa Legislativa, pois com isso, os pais poderiam deixar seus filhos realizando atividades na brinquedoteca enquanto resolvem seus assuntos particulares.
Portanto, esta sugestão traria inúmeros benefícios a todos os pais, aos filhos e sem falar que o local da biblioteca ganharia cor e vida, preenchendo de forma educativa o espaço desta.

Ato público não rendeu muitas filiações

Na terça-feira o presidente estadual do PSL, deputado federal Fábio Schiochet expediu nota de repúdio e cancelou a filiação do ex-petista Luiz Primo Ortiz, de Jaraguá do Sul e alertou que todas as filiações ao partido passarão por uma triagem ideológica quando for feito o cadastro, “para eliminar qualquer possibilidade de pessoas com ideologias diferente em nossas fileiras”, disse ele.

Se o partido for tão rigoroso assim nos critérios para filiação terá grande dificuldade em crescer. No último dia 17, sábado, foi feita uma campanha nacional para as filiações.

Em Lages, não mais do que 15 pessoas estiveram na praça do Terminal para receber os novos filiados. Sabe exatamente quantas filiações foram feiras? Onze. E dentro do que propõe o presidente estadual, ainda estão sujeitas a passar pela dita triagem quando levadas à Justiça Eleitoral.

Posso estar errada, mas o PSL não tem grande perspectivas de crescimento como julgam suas lideranças. Os integrantes resguardam a sigla porque, dentro de sua visão é um passaporte para a passagem vitoriosa pelas urnas.

No ano que vem teremos eleições municipais, que para começar, têm características um tanto diferentes das eleições gerais para presidente, governadores e deputados. E ainda tem uma novidade: não haverá coligação na proporcional, ou seja, para a composição das Câmara de Vereadores.

O PSL terá dificuldade não para preencher as 24 candidaturas, mas reunir nomes de peso para assegurar cadeiras no legislativo. Muito mais do que em partido, o eleitor vota no candidato e, na minha modesta avaliação, o processo de mudança ainda não se completou.

O eleitor ainda está procurando o novo, o diferencial, e o PSL já não o é mais. Prova disso é que, mesmo os oportunistas de plantão estão relutantes em aderir esta nova sigla, mesmo sendo hoje a detentora do poder.

Seu Ary Moraes faleceu hoje

Seu Ary Moraes, pai do ex-vereador Arnaldo Moraes faleceu, hoje,  no Hospital Nossa Senhora dos Prazeres onde estava internado. Ele estava com mais de 80 anos e estava com câncer no cérebro. O velório acontece na Capela São Benedito e o enterro será às 17 horas, no Cemitério Cruz das Almas.

Seu Ary sempre acompanhou o filho em suas andanças políticas. Era o cabo eleitoral número um de Arnaldo.