Superintendente do Dnit diz que a instalação de passarela está sendo revisada

Indagado a respeito da implantação das passarelas na BR 282, o superintendente do Dnit, Ronaldo Carioni  observou que está sendo revisada travessia projetada entre os bairros São Paulo de São Francisco, visando maior segurança de pedestres e motoristas e consequentemente uma melhor fluidez no trânsito.  Naquele local existe um trevo.

Portanto, deu uma resposta que não tem nada a ver. Como uma obra licitada e em andamento passa agora por estudo?  Queríamos sabe porque até agora não foi implantada, a passarela da Campos Sales para depois dar andamento ao duas outras restantes.

PT de Lages estará sob o comando de uma mulher

O Partido dos Trabalhadores estará realizando suas eleições internas para Presidência e Diretório em todo país no próximo dia 08 de setembro. Em Lages em demonstração de unidade partidária foi registrado uma chapa para o Diretório Municipal e uma candidatura para Presidência.

O atual Presidente do partido em Lages, Moisés Savian, relata que houve vários diálogos no sentido de aglutinar as lideranças locais. Para Savian, “nosso foco é a defesa da liberdade de Lula e a construção de um projeto popular para Lages e para isso precisamos unificar nossas forças”.

A renovação do Diretório é acompanhada da mudança na Presidência do Partido. Pela primeira vez o PT lageano será dirigido por uma mulher, Maria da Fonseca.

Assistente social especialista em educação do campo e realidade brasileira Maria tem grande experiência nos movimentos sociais. Atuou em ONgs, militante dos movimentos sociais, direitos humanos, economia solidária e em associações de moradores.

Carmen faz reunião para discutir as melhorias para a BR 282

Reunião realizada hoje (19), pela manhã, na Acil, debateu a respeito das melhorias solicitadas para a BR 282, assunto tratado pela deputada Carmen Zanotto, com o presidente Bolsonaro, na semana passada, em Brasília.

A deputada chamou para esta reunião os prefeitos da região, lideranças empresariais, representante da PRF e o superintendente do Dnit, Ronaldo Carioni Barbosa.

 

Entre as prioridades estão: a ampliação de terceiras faixas, agilidade para a construção das passarelas em Lages e o estudo para o aumento da velocidade mínima de 80km/h para 100km/h.

Ficou definido que os locais de prioridade da inclusão das terceiras faixas são: morro na localidade de Índios, do Km 207 ao Km 211, no lado esquerdo da pista (sentido Lages) e do Km 213 ao Km 209, no lado direito da pista (sentido Florianópolis) como prioritárias. Total de 8 km de terceira faixa, uma terceira faixa do Km 221 ao Km 224, para viabilizar as melhorias e prolongar sua extensão, tendo em vista a trafegabilidade próxima ao acesso da BR 116 e o prolongamento da Marginal Sul, entre o Aeroporto de Lages e o acesso a São Joaquim.

“Colocarei como prioridade nas nossas demandas a inclusão das terceiras faixas nestes pontos apresentados”, disse o Superintendente do DNIT/SC, Ronaldo Carioni Barbosa.

Sobre o aumento da velocidade mínima, um levantamento apresentado pela PRF mostrou que 90% dos motoristas trafegam entre 100 e 110 quilômetros por hora. Entre os veículos pesados a média é de 80 a 89km/h.

Obras do Morro da Igreja estão adiantadas

Sérgio Lima envia fotos para que possamos acompanhar o andamento das obras no Morro da Igreja, em Urubici. A foto acima mostra a plataforma de observação que está sendo construída no topo do morro, próximo às instalações da Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo, Cindacta II.

Esta plataforma dará mais segurança aos turistas que lá forem. É um grande número de turistas que sobe o morro, especialmente no final de semana. 

Quem está executando as obras da plataforma e no acesso ao morro é o 1º Batalhão Ferroviário de Lages. Hoje o exército está limitando o número de veículos que sobem o morro para não atrapalhar o trabalho.

David Moro pode ficar inelegível por oito anos

No último dia 5, foi proferida uma sentença contra o vereador David Moro (MDB) que se for confirmado em segunda instância (pois acredito que deverá recorrer), ficará inelegível por oito anos. Foi condenado a pagar uma multa de três vezes o seu vencimento (cerca de R$ 26 mil) e ainda fica proibido de fazer qualquer contrato com o poder público pelo prazo de cinco anos.

A ação foi movida pelo Ministério Público por improbidade administrativa. Refere-se ao envolvimento de seu filho que foi detido “em inflação análoga ao crime de tráfico ilícito de entorpecente”, com quem foi encontrado um aparelho celular Iphone de propriedade da Câmara de Vereadores que estava à disposição do vereador David Moro.

Na época, ao ser interpelado, o vereador sustentou que havia deixando o celular guardado dentro do guarda-roupa, uma vez que tinha dificuldade de manusear o Iphone e tirou o chip para colocar em seu próprio celular. O filho o encontrou e passou a usá-lo sem o seu consentimento. Alegou que foi “vítima da situação”. Ocorre que ao receber o aparelho celular o vereador tem de assinar um termo de responsabilidade.

Após o fato ocorrido em agosto de 2016, o Iphone foi devolvido à Câmara, mas sem o chip e o próprio aparelho apresentava alguma avaria. Na sentença, a juíza ainda faz a ressalva de que desconhece que, pela ação, o vereador David tenha passado por algum processo disciplinar dentro da Câmara, o que seria natural diante das circunstâncias. Mas ali nenhuma providência neste sentido prospera. A questão é de responsabilidade sobre a coisa pública e ai houve negligência e por isso, o vereador foi penalizado e poderá perder seus direitos políticos por oito anos.

Significa dizer que se a sentença for confirmada em segundo grau, David estará fora das eleições do ano que vem. Foi em vista desta ação que o vereador já havia se ausentado da mesa, onde ocupa o cargo de 1º secretário, sob a alegação de que estaria com problema de garganta.