Vone denuncia o vereador Jair e diz que Cardoso queria ser secretário de Assistência Social

O vereador Vone Scheuermann subiu nos tamancos na sessão desta terça-feira e quase aos berros, batendo na mesa, chamou o vereador Jair Júnior de cafajeste, picareta, golpista, mau-caráter e falso moralista, ao mesmo tempo em que anunciou que está entrando com uma denúncia contra este vereador, por ter recebido salário sem trabalhar quando estava lotado no gabinete do ex-deputado Gabriel Ribeiro. Só de vale alimentação recebia R$ 1.400,00 e a Assembleia teve de notifica-lo para receber um valor de R$ 10 mil que foi parar erroneamente em sua conta.

 

Vone ainda disse que estava fazendo isso em resposta à denúncia feita – há cerca de dois anos – pelo vereador Jair de que ele tinha vencido licitação para aluguel de máquinas para a prefeito, o quer é vedado pela legislação, e que atingiu sua família e sua mãe teve de ser medicada porque o estavam chamando de ladrão. Citou que, na época foi investigado pelo Ministério Público, mas que nada teria sido encontrado de ilegal, já que foi um contrato emergencial.

 

Aproveitando a ocasião em que foi à tribuna, Vone também observou que tinha recebido informação que o vereador João Cardoso estava entrando com pedido de instalação de CPI contra o prefeito Ceron porque, no início do mandato Cardoso pediu a ele para que o nomeasse secretário da Assistência Social e Ceron não lhe cedeu.

 

Cardoso garantiu que isso é uma mentira. Contou que no início da gestão conversou com o presidente do PP, Sandro Anacleto que lhe consultou se teria interesse em assumir alguma secretaria. Ao conversar com o prefeito Ceron, posteriormente, manifestou o interesse de desenvolver um trabalho com os adolescentes de 14 a 16 anos, mas como o prefeito não manifestou interesse, não houve mais nenhum contato depois disso.

Vone fez elogios à administração Ceron e disse que se fosse prefeito teria pelo menos dois secretários que chamaria para a sua equipe. Seriam eles Antônio Arruda e Marli Nacif.

 

8 comentários em “Vone denuncia o vereador Jair e diz que Cardoso queria ser secretário de Assistência Social”

  1. Desde que esse João Cardoso assumiu no lugar do Lucas as sessões viraram uma baixaria. Queremos ouvir projetos. Se for pra criticar apresentem também as soluções

  2. bah vereador Jair. oque o senhor tem a nos contar sobre isso ? a população Lageana quer saber. receber sem trabalhar? vale alimentação nesse valor absurdo de R$ 1400,00? recebeu esse valor de 10 mil vereador? bah vereador ai e sacanagem, ate segunda pregava o bom vereador e tudo e agora sai uma dessa do senhor! ai e falta de vergonha cara vereador, ai e sacanagem com o povo. Quantas pessoas o senhor já ajudo? pois ate onde eu sei aqui no cidade alta e redondeza não queremos nem ver o senhor pintado de ouro. pois aqui não fez nada e nunca ajudou ninguém. e ainda por cima deu uma rasteira no assessor? que historia e essa vereador Jair ? obrigada amiga e Olivete. abraços

  3. Mas povo lageano irá aposentar alguns figurões, uns bem manjados, inclusive. Faz tempo que está a mesma ala comandando em Lages. O eleitor de Moisés, Bolsonaro, Luiz Henrique, Eliseu, Dirceu Carneiro, estão por aí, e não arredam. Se não der o mesmo número de abstenções da eleição passada, Lages será passada a limpo. O clã dos coronéis, e das Oligarquias miúdas, deve acabar. Monarin abriu água, espero que venha a público esclarecer, era um bom nome, chega de gente em cima do muro. Lages tem que decolar, “rumo a prosperidade para todos”.

Deixe um comentário