Cardoso e Vone batem boca por causa da instalação da CPI

O vereador em exercício do PSL, João Cardoso cobrou do presidente da Câmara, Vone Scheuermann na sessão desta segunda-feira, que não tomou as providências com relação à instalação da CPI para apurar irregularidades com relação ao prefeito, uma vez que a prefeitura está efetuando compras no supermercado do qual Ceron é sócio.

Para João Cardoso, no momento em que o presidente recebeu o requerimento solicitando a CPI assinado por sete vereadores e apresentada toda a documentação necessária, teria de nomear os membros da comissão. Para Cardoso, o presidente estaria protelando para beneficiar o prefeito. O requerimento foi protocolado na quinta-feira passada.

Vone disse que ele pode fazer isso no momento em que entender.

Houve então um bate-boca entre eles. Pois Cardoso disse que ele não pode fazer o que quer “O senhor não é dono da Câmara, tem de cumprir o regimento”.

Cardoso disse mais: “se o senhor  não der andamento à CPI até amanhã eu entrarei com um mandato de segurança exigindo para o que o faça”.

 

Vereador Dr. João Cardoso entrou com um pedido de instalação de uma CPI para apurar fato determinado. A lei diz que o presidente da Câmara de Vereadores ao receber o pedido deve escolher os membros da comissão e instalá-la, a petição está assinada por sete vereadores e o fato determinado é a prefeitura ter comprado no supermercados Myatã, onde o prefeito Antônio Ceron é sócio, e a lei impede este tipo de procedimento. Se o presidente da Câmara não nomear à comissão, Dr. João Cardoso promete entrar com um mandado de segurança. O presidente não tem como não abrir a CPI, senão será afastado da presidência da Câmara de Vereadores, segundo o vereador Dr. João Cardoso.Assista ao vídeo.

Publicado por MLL – Movimento Lages Livre em Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

2 comentários em “Cardoso e Vone batem boca por causa da instalação da CPI”

  1. Querem ganhar no grito e na base do “para a assessoria jurídica para parecer” para embromar, ignorar questões de ordem. Está certíssimo Cardoso! Pena é o Judiciário que dificilmente tem coragem e mais força que Vereador da Oligarquia.

Deixe um comentário